noticia
21/04/2018 - 08:25
Tamanho da Fonte
 
 
Acusado de mandar matar personal continua foragido e delegada pede prorrogação de inquérito

Foto: Reprodução

Acusado de mandar matar personal continua foragido e delegada pede prorrogação de inquérito
Na próxima segunda-feira (08), completam dois meses do assassinato do personal trainer Danilo Campos, executado em uma distribuidora no bairro Duque de Caxias por volta das 21h20. O mandando do crime, o empresário Guilherme Dias de Miranda, continua foragido. A delegada Alana Cardoso, responsável pelo caso, pedirá a prorrogação do inquérito ao Judiciário.

Leia mais:
Polícia continua diligências e pai de personal morto diz que mandante utiliza documentos falsos para se esconder
 
“Nós estamos pedindo a prorrogação do prazo ao Judiciário. Continuamos trabalhando e espero terminar logo este caso. Na próxima segunda-feira (08), vamos enviar para o Fórum e pediremos a dilatação do prazo para finalizar os trabalhos”, disse a delegada Alana Cardoso ao Olhar Direto.
 
O mandante do crime continua foragido da Justiça. Recentemente, o pai de Danilo, vereador de Várzea Grande Nilo Nascimento de Campos, disse ao Olhar Direto que tem usado documentos falsos para conseguir se esconder: “Ele é estelionatário né, então está usando nome falso. Ela disse que ele está utilizando documento falso, por isso está mais complicado de prender. Mas agora que já acabou a perícia no celular dele, logo devo ir buscar”, disse.
 
O caso
 
De acordo com o boletim de ocorrências, o fato ocorreu em uma distribuidora no bairro Duque de Caxias por volta das 21h20 do dia 8 de novembro. Quando chegaram ao local os policiais encontraram a vítima já caída ao chão. Populares disseram aos militares que viram dois homens em uma motocicleta alta se aproximarem e o garupa efetuar os disparos contra Danilo.
 
A DHPP foi acionada e o caso é conduzido pela delegada Alana Cardoso. Na tarde da última terça-feira (14) o suspeito havia sido identificado, no entanto ainda está foragido. Ele saiu de sua casa em um condomínio em Várzea Grande por volta das 10h47 desta terça-feira (14), e depois disto não foi mais visto.



     

 
» Últimas Notícias